[2015] O Espírito Santo e o empreendedorismo violento

Autor: Marco Aurélio Borges Costa O trabalho busca uma aproximação entre os conceitos de empreendedorismo violento, desenvolvido no âmbito da transição do regime soviético para a moderna Rússia, e mercadoria política, proposto para a compreensão da acumulação social da violência no Rio de Janeiro. O esforço de aproximação se dá a partir da análise da atuação da organização denominada Scuderie Le Cocq, buscando extrair conclusões válidas para a compreensão do contexto de crise institucional no Espírito Santo no fim dos anos 90 e início dos anos 2000, assim como do crescimento da violência. Conclui-se que, apesar de algumas similaridades atribuídas ao momento de transição de um Estado policial e totalitário nos dois países, ainda que em temporalidades diferentes, os resultados e as implicações se mostraram diferenciadas nos dois contextos. Palavras-chave: Empreendedorismo violento;…

0 Comentários

[2015] Estados posibles: travesías, ilegalismos y controles en la Triple Frontera

Autor: Brígida Renoldi En este artículo describiré el movimiento de las personas que trabajan entre la legalidad y la ilegalidad, pasando mercadería ilegal, o legal sin realizar las declaraciones aduaneras, en la confluencia limítrofe de Brasil, Paraguay y Argentina. La noción de “ilegalismos” nos auxiliará en el análisis. El binomio legal/ilegal, explicitado en los códigos y reglamentaciones, produce una frontera moral entre lo aceptable y lo inaceptable desde el punto de vista del Estado. Al relatar las actividades que realizan estas personas y las condiciones en las cuales lo hacen se evidencian las tramas que borran tal frontera, así como las dinámicas en la vida cotidiana que van “haciendo” el estado en cada movimiento y decisión. Observar estos fenómenos desde la perspectiva nativa, de toda la red que liga cosas, espacios, personas,…

0 Comentários

[2015] “Dar uma Zoada”, “Botar a Maior Marra”: Dispositivos Morais de Jocosidade como Formas de Efetivação e sua Relação com a Crítica

Autor: Alexandre Werneck O objetivo deste artigo é analisar o papel desempenhado pela jocosidade em situações de crítica, que poderiam resultar em conflitos, mas que, por meio de dispositivos morais baseados no humor, mantêm a paz, sem prejuízo da própria crítica...

0 Comentários